Resenha: O Teorema Katherine

 
"Quando se trata de garotas (e, no caso de Colin, quase sempre se tratava) , todo mundo tem seu tipo. O de Colin Singleton não é físico, mas linguístico: ele gosta de Katherines. E não de Katies, nem Kats, nem Kitties, nem Cathys, nem Rynns, nem Trinas, nem Kays, nem Kates, nem - Deus o livre - Catherines, K-A-T-H-E-R-I-N-E. Já teve dezenove namoradas. Todas chamadas Katherine. E todas elas - cada uma, individualmente falando - terminaram com ele."


O Teorema Katherine de John Green, é o segundo livro do autor que eu leio. E até agora não me arrependi. Muito pelo contrário, cada vez mais me apaixono por John Green.
Confesso que a primeira vez que li a sinopse do livro, não fiquei muito tentada a ler, mas mesmo assim resolvi dar uma chance ao John. Afinal eu me apaixonei e me encantei tanto com "A Culpa é das Estrelas", que no fundo eu não via como me decepcionar com esse livro. E eu estava certa. 
Mesmo eu odiando matemática, e qualquer coisa que envolva números, John Green conseguiu me divertir com seu livro nerd. Ele me fez abandonar qualquer aversão à números e entrar no mundo de Colin e sua incessante busca por um fórmula que irá prever quanto tempo durará seu relacionamento, e até quem irá terminar com quem. Ou como ele prefere chamar, quem será o Terminante e quem será o Terminado.
John conseguiu explicar - com ajuda de seu amigo matemático Daniel Biss - o Teorema de uma forma simples, fazendo com que até eu, que sou péssima em matemática conseguisse entender pelo menos um pouco o raciocínio de Colin.
O livro é super divertido. Eu me diverti muito com Colin e seu melhor amigo Hassan em sua viajem de carro, onde o Teorema começa a ser criado, e Colin finalmente tem seu "momento eureca".
Um livro nerd, divertido e fofo. Tudo na medida certa. 
John Green me conquistou com mais um livro, e espero que esse meu amor por ele nunca acabe.
Beijos e até a próxima resenha!
                                                                                                                                     - Fê.

2 comentários

  1. Olá Fernanda, tudo bem?
    Eu também odeio matemática e qualquer coisa relacionada a números e esse livro é um dos meus preferidos! Já li duas vezes, pois sempre dou muitas ridas com os personagens. Eu amo os livros do Green, sou completamente apaixonada. O único que não li ainda foi Will & Will.
    Beijão
    Tão doce e tão amarga.



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é muito divertido mesmo. Pra mim faltam Deixe a Neve Cair e Will & Will. Beijos!!!

      Excluir